• LinkedIn - Black Circle
  • Facebook
  • Preto Ícone Instagram
Telefone:   (31) 3213-9716
Whatsapp: (31) 9.9270-0043
Logo industria-i 6x6.jpg

Acesse também:

Síndromes Geriátricas e fragilidade do idoso

May 20, 2019

 

Ao contrário do senso comum, um idoso saudável não é um idoso que não apresenta nenhum tipo de doença. Um idoso saudável é o idoso capaz de administrar a própria vida e se cuidar sozinho. Assim, pode-se considerar o conceito de saúde estabelecido pela Organização Mundial de Saúde como sendo o mais completo bem-estar biopsicossocial-cultural-espiritual. A maioria dos idosos é portadora de doenças e elas raramente estão associadas à limitação das atividades ou à restrição da participação social.

Há proporcionalidade entre o bem-estar e a funcionalidade da pessoa idosa. A autonomia e a independência derivadas da capacidade funcional são, de fato, os melhores indicativos de saúde. Além do mais, estão intimamente relacionadas ao funcionamento integrado e harmonioso dos seguintes sistemas funcionais principais:

Cognição e Humor - ligados diretamente à autonomia e referem-se, respectivamente, à capacidade de compreender e resolver problemas do cotidiano e a motivação para realizar atividades e socializar.

 

Mobilidade e Comunicação - ligados diretamente à independência e referem-se, respectivamente, à capacidade de se locomover e administrar o espaço ao seu redor e a capacidade de trocar informações e expressar desejos, ideias e etc.
 

 

As tarefas do cotidiano necessárias para que uma pessoa cuide de si e de sua própria vida são denominadas atividades de vida diária (AVD) e estão fundamentalmente relacionadas ao desempenho satisfatório dos sistemas funcionais já citados. Podem ser classificadas, conforme o grau de complexidade em: básicas, instrumentais e avançadas.


Idosos que apresentam quadros mais agudos de dependência e denotam comprometimento de algumas ou todas AVDs, geralmente são idosos mais frágeis e que necessitam de atenção diferenciada. Desta forma, o modelo de cuidado isolado, descontínuo e focado em urgências é capaz de agravar mais ainda suas condições de saúde.

 

Fundamentos recentes evidenciam que a atenção à saúde dos idosos mais frágeis, com qualidade, resolutividade e custo-eficácia deve ser associada a quatro premissas básicas, que vão além do mero diagnóstico e tratamento das doenças individuais:

 

- Avaliação multidimensional capaz de reconhecer todas as demandas biopsicossociais do paciente, seus valores, crenças, sentimentos e preferências para o cuidado;
 

- Elaboração, implementação e monitoramento do plano de cuidados, composto por todas as intervenções preventivas, curativas, paliativas e reabilitadoras, definidas de forma compartilhada;
 

- Comunicação e coordenação com todos os profissionais e serviços necessários para implementação do plano de cuidados, com ênfase no cuidado transicional;

- Promoção do engajamento ativo do paciente e sua família no cuidado com sua saúde.


Sistemas de informações clínicas integrados a diretrizes bem estabelecidas são fundamentais para uma boa assistência à saúde, principalmente de idosos fragilizados. Tais sistemas, no entanto, são escassos para os profissionais da saúde e usuários. Mesmo assim, esses profissionais reconhecem que a utilização de sistemas específicos devem ser tratados como uma prioridade para a elaboração e monitoramento do plano de cuidados de cada usuário e da produção indicadores de efetividade clínica do sistema de saúde.

O MedLogic, software desenvolvido especialmente para auxiliar na gestão da saúde da pessoa idosa, é um sistema completo que possui algumas ferramentas que agilizam e otimizam os processos necessários para o cuidado citados no texto acima. Conheça mais em nosso site: http://www.medlogic.com.br

 

Please reload

Posts Recentes

September 18, 2019

September 10, 2019

Please reload